Ártico

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

[PLANETA] Novo paradigma para a indústria de autos





Já postei algumas notícias sobre automóveis, parte essencial do aquecimento global, mas esta me deixou pasma: um carro movido a AR ! Engenheiro de motores da F-1, o francês Guy Negre desenvolveu desde 1991 um carro que pode ser abastecido por uma bomba de ar comprimido, faz até 150km/h, tem autonomia de 300km, com 80 cv de potência, ao custo de US$ 13,000. A patente do FlowAIR, protegida em 127 países, pertence à MDI (Motor Development International) e é aplicada a carros de uso urbano, tratores, barcos, pequenas aeronaves e geradores de emergência. Detalhe: o escapamento emite ar puro, totalmente livre de poluentes.


O conceito industrial também é inovador e um primor de sustentabilidade: pequenas fábricas espalhadas pelo mundo com transferência de tecnologia, que montam localmente 80% do veículo, diminuindo a emissão de CO2 ao encurtar a cadeia de distribuição e suprimentos. Os números impressionam, comparados a uma montadora tradicional: 1/3 da área ocupada, 1/4 da dimensão de uma fábrica convencional, 1/5 do investimento total e 30% mais funcionários, gerando ganhos sociais locais. Menos poluição e consumo de energia, menos taxas de importação e remessas de capital para o exterior. Resultado: responsabilidade socioambiental, a menor custo.


A Air France e a Tata Motors (Índia) já compraram a tecnologia. Os carros devem em breve circular como táxis na França, China e Japão, que já mostraram interesse. Veja o filme.




video

Nenhum comentário: